• Ideias & Ensaios

Empatia, você tem ou pelo menos sabe o que é?

Atualizado: 4 de Set de 2020

Afinal de contas, o que quer dizer Empatia?

Substantivo Feminino que significa a capacidade de se identificar com outra pessoa, de sentir o que ela sente, de querer o que ela quer, de apreender do modo como ela apreende etc.

· psicologia

processo de identificação em que o indivíduo se coloca no lugar do outro e, com base em suas próprias suposições ou impressões, tenta compreender o comportamento do outro.

· sociologia

forma de cognição do eu social mediante três aptidões: para se ver do ponto de vista de outrem, para ver os outros do ponto de vista de outrem ou para ver os outros do ponto de vista deles mesmos.

Pandemia e Empatia, como duas palavras tão diferentes podem estar tão conectadas entre si?

Hoje vivemos um dos momentos mais difíceis na história do país e do mundo também. Estamos passando por um período em que de certa forma passamos a depender mais uns dos outros, no sentido dos cuidados que devemos tomar para evitar o alastramento dessa doença, que assola o pais sem nenhum tipo de discriminação, pobres e ricos, negros, brancos, índios ou qualquer outro tipo de etnia que possa habitar a face da Terra.

Apesar de todos os pedidos que são feitos por parte da comunidade médica e outros setores da sociedade as pessoas tem dado pouca importância a esses apelos, basta ver como ficam as praias, shoppings e outros locais de lazer, a sensação que eu tenho é que a pandemia acabou ou que por algum milagre divino fomos todos inoculados com alguma proteção maior. Mas a verdade é outra completamente diferente, as pessoas não tem a menor noção de humanidade e acabam se comprometendo e consequentemente infectando outras pessoas, esgotando recursos que já são raros em nosso sistema de saúde e isso tudo por puro egoísmo. A falta de empatia com o próximo é grande e quem deveria fomentar os cuidados faz justamente o contrário, levando cada vez mais pessoas para as ruas alegando que é uma mera gripezinha. Mas, e os cuidados com aqueles que já carecem de tudo, aqueles que durante um bom tempo eram invisíveis aos olhos da maioria e que acabaram ficando expostos pela pandemia. A empatia que deveria estar presente no coração e mente de cada um parece que sumiu dando lugar a um egoísmo sem precedentes.

Quando eu cuido de mim eu também estou cuidando do outro e sucessivamente, mas grande parte da população leva isso com tamanho descaso acreditando piamente nas palavras de pessoas sem a menor qualificação técnica para levar conceitos e ideias a população de uma forma geral. Quantos mais irão morrer para que as pessoas comecem a tomar a verdadeira noção do que temos sobre nossas cabeças, balançando como a lâmina de uma guilhotina que pode descer a qualquer momento sem nenhum aviso prévio, desmantelando famílias e tudo pelo egoísmo do ser humano em não se preocupar com o próximo.

Alguns dirão que precisam trabalhar, mas tudo pode ser feito com responsabilidade. A partir do momento em que cada um seja capaz de se colocar no lugar do outro e passar a entender o conceito que envolve a palavra empatia, poderemos iniciar um processo de recrudescimento da doença, não findar, pois isso cabe a ciência, mas o que é nosso, que são os cuidado que devemos ter conosco e com o próximo, será o fiel da balança que vai dizer como passamos por essa pandemia, se ainda teremos ao nosso lado aqueles que amamos e com quem somos felizes, ou se iremos chorar pela falta que fazem em função da irresponsabilidade de muitos.


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo