• Ideias & Ensaios

Qual é a tua obra?

Este texto começa com uma pergunta que é título de um livro homônimo do professor e filósofo Mário Sérgio Cortella. A leitura deste livro trouxe lembranças e ideias que levaram a um questionamento mais profundo sobre o papel de cada um nessa vida. A resposta para esta pergunta, representa uma ideia que transpõem minha atual existência e me leva a pensar o que vou deixar como legado ou patrimônio imaterial para o restante do tempo daqueles que ficarão e ainda terão minha imagem em suas memórias.

E o que eu considero como legado/patrimônio imaterial e que dentro da minha visão seria a obra que vou deixar?

Já se passaram muitos anos, antes mesmo de ter contato com esse livro, que sempre pensei sobre a responsabilidade em cima do que falo, faço e das minhas atitudes. Não tenho como nomear todos, mas muitas pessoas que passaram e ainda se encontram em minha vida, tiveram papel fundamental na formação e enraizamento das minhas ideias e de certa forma ajudaram a moldar o meu caráter. A partir do momento em que eu replico aquilo que dentro do meu entendimento é bom e correto isso automaticamente pode atingir determinadas pessoas, como no filme estrelado por Kevin Spacey, “A Corrente do Bem”. Às vezes eu lembro de situações que presenciei e que vieram a reforçar a ideia de que manter uma conduta correta é o caminho natural para quem venha atrás seguindo meus passos. E isso vale para todos as situações, pois quem convive com você, seja no âmbito familiar ou social sempre está prestando atenção em suas palavras, atitudes e ideias. Se ajo corretamente é isso que vou perpetuar e vale para o contrário, pois o que importa nessa questão é a ação, a fala e a atitude.

Quando disseminamos boas ideias e atitudes, elas se tornam o arcabouço da tua obra, a estrutura que vai ficar para que o restante seja devidamente sedimentado em outras mentes, por isso a importância de levar ideias boas e corretas, agir com o próximo como se estivesse agindo consigo mesmo. Respeitar, amar, ouvir, ser atencioso, são alguns dos fundamentos que devem alicerçar a tua obra e deixar um legado de retidão.

Para simplificarmos essa questão, basta lembramos das figuras mais marcantes ao longo dos últimos séculos. Hitler e Ghandi, idi Amim Dada e Madre Tereza de Calcutá, quais lembranças e ideias esses nomes nos trazem, quais são os sentimentos que temos em relação a essas pessoas e para finalizar, quais foram as suas obras?


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Pontes